Mercado

6 passos para escolher o datacenter certo para o seu negócio

By agosto 18, 2017 No Comments

Selecionar o datacenter certo para o seu negócio é uma grande decisão. Afinal, você hospedará sua infraestrutura crítica dentro das instalações de outra empresa. Ou seja, para não colocar seus dados e o funcionamento do negócio em risco, é preciso saber em quem confiar.

Escolhendo o datacenter certo para o seu negócio

Antes de fazer uma escolha, há uma série de critérios que você deve levar em consideração. Esta lista não tem o objetivo de ser uma lista definitiva, afinal, sabemos que cada empresa possui suas próprias particularidades. Contudo, este é um bom ponto de partida. Você pode usar esses critérios como base para escolher o datacenter certo para o seu negócio! Acompanhe:

1. Localização

A localização é um dos fatores mais importantes envolvidos na hora de escolher um datacenter certo para o seu negócio por várias razões. Se você precisar atualizar ou fazer algum reparo em seu equipamento, ter um datacenter próximo fisicamente da sua empresa é um grande diferencial (pense em quão caro pode lhe custar ter o equipamento parado por um longo período de tempo).

Por isso, a primeira coisa a levar em consideração é a facilidade com que alguém da sua empresa pode chegar ao local físico caso seja necessário. Além disso, um datacenter próximo oferece um tempo de resposta consideravelmente menor do que um servidor estrangeiro, por exemplo, conferindo uma vantagem ao seu negócio. 

O suporte e a facilidade nas relações comerciais também são um ponto positivo de contar com um datacenter local para o seu negócio

2. Escalabilidade

Você vai querer que seu provedor possa atender suas necessidades imediatas e futuras, ou seja, pelo menos por alguns anos após sua escolha. Em suma, o datacenter certo para o seu negócio precisa ser escalável, ter a capacidade de se expandir junto com o crescimento da sua empresa. 

Dito isto, diferentes provedores de datacenters oferecem diferentes níveis de escalabilidade. Alguns fornecerão soluções fora da caixa que podem ou não atender às suas necessidades. Enquanto outros provedores oferecerão soluções mais personalizadas (flexíveis), além das ofertas padrões.

Descubra a disponibilidade de espaço, energia e conectividade adicionais. Não prejudique o seu negócio escolhendo um provedor que não possa escalar com seu negócio ao longo do tempo.

3. Confiabilidade

A confiabilidade é fundamental quando se escolhe um datacenter para o seu negócio. Ela é medida como tempo de atividade no mundo dos centros de dados. Um provedor confiável deve ter quatro 9s de tempo de atividade, o que significa que eles são confiáveis ​​por pelo menos 99,99% do tempo.

Outras coisas a serem procuradas são certificações de pessoal, feedback dos clientes e suporte no local versus terceirizado.

4. Eficiência

Quão rápido você precisa de sua infraestrutura funcionando? Quão rápido você acha que vai precisar de uma nova conexão cruzada ou espaço de rack adicional no futuro? A maioria das empresas quer que seu novo espaço seja configurado de forma tão rápida e eficiente quanto possível.

A eficiência da implantação pode ser difícil quantificar em uma estatística ou número específico, mas certifique-se de que durante a negociação os prazos sejam claramente comunicados para você.

5. Segurança

A segurança é um dos fatores mais importantes a serem considerados ao escolher o fornecedor de datacenter certo para o seu negócio. Ferramentas de software e hardware devem estar posicionadas para proteger efetivamente a rede do centro de dados, mas também deve haver segurança física para incluir vigilância multifatorial.

Ao ter os pontos de entrada do centro de dados cobertos, isso permitirá que você ganhe mais segurança para as informações da sua empresa, permitindo que possa monitorar o que está entrando e saindo da infraestrutura.

6. Suporte

Defina um orçamento adequado e prepare as diretrizes de acordo de nível de serviço. Muitos provedores já terão um acordo focado em seus próprios objetivos de negócios, ao invés dos objetivos da sua empresa com o datacenter.

Ao seguir os passos na terceirização do seu centro de dados, você deseja que seu provedor se adapte às suas necessidades, e não o contrário. Pedir um maior nível de disponibilidade com o seu SLA (Service Level Agreement) pode ajudar a identificar o conhecimento e o nível de habilidade do provedor. 

E você, já começou sua procura por um datacenter para o seu negócio? Está tendo alguma dificuldade? Comente abaixo e compartilhe conosco!

Leave a Reply